Quinteto de Metais e Trio de Cordas do Instituto Baccarelli na Vila

0
472

Desde agosto, projeto “Baccarelli na Rua” leva grupos musicais de Heliópolis para apresentações de música erudita no Armazém da Cidade.

 

Em 12 de novembro (sábado), às 15h40, o Quinteto de Metais, do Instituto Baccarelli, se apresentará novamente no Armazém da Cidade, na VilaMadalena. No dia 26 (sábado), será a vez de o Trio de Cordas retornar ao bairro. A ação faz parte do projeto “Baccarelli na Rua”, que, em parceria com o Catraca Livre, leva, desde agosto, novos grupos musicais para a Vila Madalena. O formato aproxima a música de concerto do grande público, além de ser um convite para as pessoas incluírem em suas agendas culturais visitas mais frequentes às salas de concerto da cidade.

O “”” é uma nova experiência que traz o público e os músicos ao encontro da música popular e erudita em pontos de lazer da cidade, fazendo das ruas polos culturais. Gilberto Dimenstein, o idealizador e coordenador do Catraca Livre, revela que era uma ideia antiga: “Tenho uma extraordinária e imensa admiração pelo Instituto Baccarelli. Sempre estivemos muito próximos. Quando iniciou o projeto Parque da Vila, que fecha algumas ruas da Vila Madalena nos finais de semana, convidamos algumas vezes os grupos do Instituto para se apresentarem, e era sempre um sucesso. Então surgiu a ideia de tornar essas apresentações mais frequentes e montamos o projeto “Baccarelli na Rua”. O Instituto já atua com inclusão social e cultural e, nesse contexto, nossa proposta é trabalhar agora a inclusão territorial, ocupando as ruas e chamando as pessoas para as apresentações gratuitas.”

Em dezembro, em clima natalino e marcando o encerramento do projeto, o coral e os alunos de instrumentos de cordas e sopros retomam o formato Flash Mob pela região conhecida como Parque da Vila e apresentarão, nos dias 3 e 10, o repertório de Natal.

“A música de concerto é vista como algo muito distante do público, quase inacessível e para poucos, quando, na verdade, deveria ser justamente o oposto. A música é uma produção da sociedade e tem de estar em todos os lugares, nas ruas, nos metrôs, nas salas de concerto, nos teatros – deve ser acessível a qualquer pessoa. O projeto “Baccarelli na Rua” nasceu de uma conversa com o Dimenstein justamente nesse sentido: de tornar a música de concerto acessível para quem quiser. Em parceria com o Catraca Livre, vamos colocar essa experiência no Parque da Vila, um espaço que tem se tornado um importante polo cultural de São Paulo. Essas apresentações ampliam o trabalho de inclusão do Instituto para além da questão social e cultural, trazendo,também, a inclusão territorial”, afirma o diretor de Relações Institucionais do Instituto Baccarelli, Edmilson Venturelli.

O Projeto “Baccarelli na Rua” acontece em frente ao Armazém da Cidade, no Parque da Vila, na rua Medeiros de Albuquerque, 270, às 15h40.

 

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA