Sesc recebe show de primeiro álbum visual indígena

0
494

A rapper Kaê Guajajara apresenta seu novo álbum “Kwarahy Tazyr”, eleito um dos melhores discos de 2021 e vencedor do Prêmio Arcanjo de Cultura, no palco do Sesc Pompeia. Considerado o primeiro álbum visual feito por um indígena do Brasil, a apresentação do trabalho será no dia 20 de março (domingo), às 18h.

Além de rapper, Kaê Guajajara é cantora, compositora, escritora, atriz, arte-educadora e ativista, que faz de sua obra uma oportunidade para refletir sobre as condições de vida dos indígenas urbanos no país e sobre a necessidade da empatia com os povos originários. Nascida em Mirinzal (MA) e pertencente à etnia Guajajara, Kaê se mudou para o complexo de favelas da Maré (RJ) ainda criança, e teve sua vida marcada por preconceitos e racismo por conta de sua origem.

O título “Kwarahy Tazyr” significa “Filha do Sol” em zeeg’ete, língua do povo Guajajara, e traz para o primeiro plano uma ligação com a espiritualidade e personalidade da própria Kaê.

Para presença no show é obrigatória a apresentação do esquema vacinal completo e o uso de máscara dentro da casa. Os ingressos custam entre R$ 20 e R$ 40. O Sesc Pompeia fica na Rua Clélia, 93.

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY