Subprefeitura realiza melhorias em praça para cães

0
2897

Na Avenida Sumaré, na altura do número 1700, a discreta Rua Miguel Cabrera dá acesso à Praça Myrian de Barros Lima, um verdadeiro paraíso canino. Tutores aproveitam a área verde para exercitar e brincar com seus cães durante todos os dias da semana. As atividades e frequentes encontros deram origem ao grupo Aumigos da Praça Cão Paulo, formado por moradores da região que sempre se encontram no local.

O grupo elaborou um projeto com melhorias para o espaço e o levou à Subprefeitura Lapa, que decidiu executar as propostas. Foi feito um muro de contenção para drenagem de água, instalação de alambrado na quadra de basquete, cercado para os cachorros brincarem soltos em segurança, manutenção dos bancos de concreto, pintura da quadra e instalação de poste de iluminação para aumentar a segurança.

O subprefeito Leo Santos esteve no local com o engenheiro Alexandre Moratori para conferir o resultado das obras e conversar com os usuários da área verde no sábado (13). “Nosso trabalho é justamente dar apoio à comunidade quando ela se apropria do espaço público. Temos esse consenso geral de que o espaço público não é de ninguém e na verdade ele é de todos. O trabalho da subprefeitura é apoiar esse tipo de ação. Foi uma solicitação feita pelo grupo de frequentadores da praça e a subprefeitura decidiu montar junto com a comunidade um plano de ação para a ocupação definitiva do espaço. A importância disso é o que estamos vendo aqui hoje, uma praça bem frequentada, limpa, com uma comunidade que se junta para fazer a manutenção e desenvolve ações para cuidar, para que ela seja aberta para todo mundo”, afirma Leo Santos.

Os frequentadores colocaram uma faixa de agradecimento ao subprefeito antes da visita. “Tínhamos medo de que os cachorros fugissem para a Avenida Sumaré, por isso queríamos colocar o cercado e enviamos o projeto para a subprefeitura”, afirma a frequentadora Stella Lewinger, que conta que o grupo de WhatsApp dos usuários do espaço conta com 90 pessoas e que diariamente de 30 a 40 pessoas passam pelo local. O grupo também conversou com o subprefeito sobre outras ações que podem ser implementadas no espaço, como a criação de uma horta urbana e a instalação de composteiras.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA